Lesões bucais manifestadas em pacientes aidéticos e tuberculosos, relacionadas com a contagem celular cd4+ / cd8+

Maurício Roth Volkweis, Rodrigo S. da Rocha, Leonardo L. N. Leonardo, João Carlos B. Wagner

Abstract


Este trabalho relata manifestações bucais que ocorrem em pacientes infectados pelo vírus da imunodeficiência humana (HIV), assim como descreve sua etiopatogenia. Apresenta como pesquisa de campo quantitativa o estudo da prevalência das manifestações bucais da AIDS, em 42 pacientes portadores do HIV e com tuberculose, internados no Hospital Sanatório Partenon. Relacionou-se a lesões encontradas clinicamente com o estado de imunodepressão mapeado através de contagem celular de linfócitos CD4+ e relação celular CD4+/CD8+. Verificou-se que a lesão mais prevalente é a Candidíase nas suas diversas formas de manifestação clínica, independente de contagem linfocitária, com números variando de depressões imunológicas severas à brandas, evidenciando seu caráter oportunista. Com relação a Leucoplasia Pilosa, este estudo mostra a sua especificidade com relação ao estado avançado de imunodepressão do paciente infectado pelo HIV; a Doença Periodontal apresenta-se como uma manifestação clínica de prevalência moderada, estando relacionada sua etiologia ao controle de placa do paciente, mostrando- se um padrão mais agressivo em áreas localizadas.




DOI: https://doi.org/10.14295/bds.2001.v4i3.137