Influência de diferentes dispositivos de microtração nos valores de resistência coesiva

Ana Carolina Botta, Ana Carolina Rodrigues Danzi Salvia, Lafayette Nogueira Júnior, Carlos Augusto Pavanelli, Clovis Pagani

Abstract


O objetivo deste estudo foi avaliar a influência de dispositivos de microtração sobre a resistência coesiva de blocos de resina acrílica. Vinte blocos de resina acrílica termopolimerizável (Onda-Cryl Clássico) foram confeccionados e distribuídos em 4 diferentes grupos experimentais (n=5) de acordo com o dispositivo de microtração empregado: G1:Paquímetro modificado; G2: Dispositivo de Andreatta Filho; G3: Dispositivo de Borges; G4: MT-jig. Os blocos foram seccionados em palitos de 1mm2 e submetidos ao teste de microtração (EMIC DL 1000). Os dados foram avaliados pela Análise de Variância e pelo Teste de Tukey, a 5% de significância. Os menores valores de resistência mecânica foram obtidos com os dispositivos de Andreatta Filho (34,22 MPa) e de Borges (34,49 MPa), e os maiores valores com o Paquímetro modificado (49,44 MPa) e o MT-jig (48,40 MPa). Concluiu-se que os valores de resistência mecânica são influenciados pelos dispositivos de microtração utilizados e que não podem ser comparados entre si.




DOI: https://doi.org/10.14295/bds.2009.v12i4.640